Por que os RH’s pedem pretensão salarial?

Tem de tudo. Tem empresa picareta. Tem empresa de recrutamento que não tem vaga, que quer cobrar do candidato e anuncia dessa forma para receber possíveis clientes. Mas vamos falar das empresas sérias, seja em uma seleção orgânica (dentro da própria empresa) ou por empresas de seleção.

A pretensão salarial ajuda a empresa a entender cada área. Foto: Pixabay.

Por que pedimos a pretensão salarial do candidato, já que nós é que anunciamos a vaga?

A resposta é simples: porque não sabemos quanto pagar. Isso mesmo, perguntamos quanto as pessoas querem ganhar porque não sabemos quanto pagar a elas. Por exemplo:

Queremos substituir um profissional por outro com perfil um pouco diferente. Então precisamos deixar o salário aberto para não corrermos o risco de perder pessoas aderentes por causa do valor. Neste caso, até pode existir uma faixa salarial pré-determinada, mas costuma haver uma elasticidade considerável.

Temos um cargo novo na empresa e não temos noção de mercado para aquela função. Vamos ter uma ideia de média através dos candidatos, e contratar um deles dentro do valor pedido.

Se há um salário fechado, sem possibilidade de conversa por parte da empresa, não tem porque o RH lançar uma vaga pedindo a pretensão salarial. Isso só gera perda de tempo e desgaste para ambos os lados.

 É muito provável que a vaga que você viu perguntando quanto você quer ganhar esteja em uma dessas situações especiais.
O que responder 

Vejo que as pessoas ficam desconfiadas com este tipo de pergunta na vaga, achando que há outra intenção, ou que é uma loteria, um pré teste que o candidato tem que acertar.

Não tem outra opção, sendo a vaga séria ou de um picareta, sempre responda a verdade. Saber seu valor de mercado é essencial para a carreira e vejo que muitos profissionais, principalmente os mais jovens, têm dificuldades em determinar uma faixa de salário adequada.

Pense nestas perguntas: Quanto é bom para você? Qual seu último salário? Como está o mercado para o que você faz? Você conhece outras pessoas no mesmo nível profissional que o seu? Pesquisa quanto outras vagas estão oferecendo? Você tem algum diferencial de mercado que possa agregar no seu currículo para pedir um salário um pouco acima, ou não tem experiência suficiente e aceita um valor um pouco menor para melhorar seus conhecimentos?

Fazendo estas considerações, você chegará a um valor adequado para se candidatar a este tipo de vaga. Se estiver muito abaixo ou muito acima do que o selecionador esperava, não se preocupe, aquela vaga não era boa para você. Apesar de alguns cargos terem uma variação grande de valor salarial, esta ainda é a forma de “medir” o nível dos profissionais (repare o cuidado com planos de carreira e cargos e salários atrelados a pontos e competências), e se sua pretensão ficou muito fora do esperado pela empresa, acredite que a vaga estava realmente fora do seu perfil.

Por Viviane Nishiura.

Recommended Posts